Falta de Desejo no Relacionamento

Falta de Desejo no Relacionamento (libido) é um problema comum que afeta muitos homens e mulheres em algum momento de sua vida.

Muitas vezes, está ligada a problemas de relacionamento, estresse ou cansaço, mas pode ser um sinal de um problema médico subjacente, como níveis hormonais reduzidos.

O desejo sexual de todo mundo é diferente e não existe libido “normal”. Mas se você acha que sua falta de desejo sexual é angustiante ou está afetando seu relacionamento, é uma boa ideia procurar ajuda.

Este artigo explica onde você pode obter ajuda e algumas causas comuns pela falta de desejo no relacionamento.

Onde obter ajuda e conselhos

  • Clínico geral – eles podem oferecer conselhos úteis ou encaminhá-lo a um especialista para avaliação e tratamento
  • Terapeuta psicossexual – um clínico geral pode indicar um terapeuta do serviço do SUS ou você pode pagar para ver um terapeuta em particular.

Tente não se sentir envergonhado de obter ajuda. Muitas pessoas experimentam problemas com o desejo sexual e procurar aconselhamento profissional pode ser o primeiro passo para resolver o problema.

Leia: 9 Maneiras de Aumentar o Desejo Sexual

Causas comuns de baixa libido

Problemas no relacionamento

Uma das primeiras coisas a considerar é se você é feliz em seu relacionamento. Você tem alguma dúvida ou preocupação que possa estar por trás de sua perda de desejo sexual?

Uma baixa libido pode ser o resultado de:

  • Estar em um relacionamento de longo prazo e familiarizar-se com seu parceiro
  • Perda de atração sexual
  • Conflito não resolvido e argumentos frequentes
  • Comunicação pobre
  • Dificuldade em confiar um no outro
  • Problemas sexuais físicos

Um clínico geral pode indicar você e a seu parceiro para aconselhamento de relacionamento, se você tiver problemas persistentes.

Leia: Poderoso Estimulante Sexual Caseiro

Problemas sexuais

Outra coisa a considerar é se o problema é um problema físico que torna o sexo difícil ou insatisfatório.

Por exemplo, um baixo desejo sexual pode ser o resultado de:

  • Problemas de ejaculação
  • Disfunção erétil
  • Secura vaginal
  • Sexo doloroso
  • Uma incapacidade de orgasmo
  • Aperto involuntário da vagina (vaginismo)

Estresse, ansiedade e exaustão

Estresse, ansiedade e exaustão podem consumir tudo e ter um grande impacto em sua felicidade, incluindo seu desejo sexual.

Se você se sentir constantemente cansado, estressado ou ansioso, pode ser necessário fazer algumas mudanças no estilo de vida ou conversar com um médico para aconselhamento.

Você pode encontrar algumas das seguintes informações e conselhos úteis:

Depressão

A depressão é muito diferente de simplesmente se sentir infeliz, infeliz ou farto por um curto período de tempo. É uma doença grave que interfere com todos os aspectos da sua vida, incluindo a sua vida sexual.

Além da baixa libido, os sinais de depressão podem incluir:

  • Sentimentos de extrema tristeza que não desaparecem
  • Sentindo-se baixo ou sem esperança
  • Perder interesse ou prazer em fazer as coisas que você gostava

É importante consultar um clínico geral se você acha que pode estar deprimido. Eles podem aconselhá-lo sobre os principais tratamentos para a depressão, como terapias de fala ou antidepressivos.

Um baixo desejo sexual também pode ser um efeito colateral dos antidepressivos. Fale com um clínico geral se achar que isso pode estar causando seus problemas.

Leia: Como Fazer o Sexo Durar Mais Tempo

Envelhecimento e a menopausa

Um desejo sexual reduzido não é uma parte inevitável do envelhecimento, mas é algo que muitos homens e mulheres experimentam à medida que envelhecem.

Pode haver muitas razões para isso, incluindo:

  • Níveis mais baixos de hormônios sexuais (estrogênio e testosterona) imediatamente antes, durante e após a menopausa em mulheres
  • Níveis mais baixos de hormônio sexual (testosterona) em homens
  • Problemas de saúde relacionados à idade, incluindo problemas de mobilidade
    efeitos colaterais da medicina

Fale com um clínico geral se estiver preocupado com isso. Eles podem perguntar sobre quaisquer outros sintomas que você tenha e, às vezes, podem fazer um exame de sangue para verificar seus níveis hormonais.

Existem tratamentos para aumentar os níveis hormonais se níveis baixos estão causando problemas, como terapia de reposição hormonal (TRH), com ou sem tratamento com testosterona para mulheres na menopausa.

Leia: Viagra Masculino

Gravidez, parto e amamentação

A perda de interesse pelo sexo é comum durante a gravidez, após o parto e durante a amamentação.

Isso pode ser devido a:

  • Alterações nos seus níveis hormonais
  • Alterações no seu corpo e problemas com a sua imagem corporal
  • Exaustão
  • Sexo doloroso causado por uma lesão, como um corte ou rasgo, durante o parto
  • Prioridades alteradas, como se concentrar em cuidar do seu bebê

Esses problemas podem melhorar com o tempo. Fale com um médico se o seu desejo sexual não voltar e isso for um problema para você.

 

Problemas de saúde subjacentes

Qualquer condição médica de longo prazo pode afetar seu desejo sexual. Isso pode ser resultado da tensão física e emocional que essas condições podem causar ou pode ser um efeito colateral do tratamento.

Por exemplo, uma baixa libido pode ser associada a:

  • Doença cardíaca
  • Diabetes
  • Tireóide hipoativa – onde a glândula tireóide não produz hormônios suficientes
  • Câncer
  • Cirurgia de grande porte – por exemplo, cirurgia para remover os ovários e o útero em mulheres

Converse com um médico ou especialista se você acha que sua baixa libido pode ser o resultado de uma condição médica ou tratamento subjacente.

Remédio e contracepção

Certos medicamentos às vezes podem reduzir a libido, incluindo:

  • medicamento para pressão alta
  • muitos tipos de antidepressivos
  • medicamento para convulsões (ataques), como topiramato
  • medicamentos chamados antipsicóticos, como haloperidol
  • medicamento para câncer de próstata, como a ciproterona
  • contracepção hormonal, como a pílula, adesivo ou anel anticoncepcional hormonal combinado

Verifique a bula que acompanha o seu medicamento para ver se a baixa libido está listada como um possível efeito colateral.

Consulte um médico se você acha que um medicamento está afetando seu desejo sexual. Eles podem mudar para um medicamento diferente.

 

Álcool e drogas

Beber quantidades excessivas de álcool por um longo período pode reduzir seu desejo sexual, por isso é uma boa idéia não beber quantidades excessivas. Homens e mulheres são aconselhados a não beber mais de 14 unidades de álcool por semana regularmente.

O uso indevido de drogas também está relacionado à perda do desejo sexual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *